Linha Verde recebe novo desvio no trevo do Atuba - Jornal de Colombo

Linha Verde recebe novo desvio no trevo do Atuba

Linha Verde recebe novo desvio no trevo do Atuba

A partir desta quarta-feira, 22, às 10h, será implantado um novo desvio no trecho norte da Linha Verde, no Atuba. Com isso, aqueles motoristas que saem de Curitiba com destino a Colombo pela Avenida Mascarenhas de Moraes, que liga o trevo do Atuba ao Santa Cândida, terão que desviar o trajeto comum em cerca de

A partir desta quarta-feira, 22, às 10h, será implantado um novo desvio no trecho norte da Linha Verde, no Atuba. Com isso, aqueles motoristas que saem de Curitiba com destino a Colombo pela Avenida Mascarenhas de Moraes, que liga o trevo do Atuba ao Santa Cândida, terão que desviar o trajeto comum em cerca de 300 metros em direção a Estrada da Ribeira. Segundo a Prefeitura de Curitiba, a alteração no trânsito é necessária para a continuidade da implantação da trincheira e início da construção dos viadutos que promete desafogar o trânsito que liga a capital das cidades de Colombo, Campina Grande do Sul, Quatro Barras e do estado de São Paulo.   

Os motoristas que vem de Curitiba ou de Quatro Barrasm terão que entrar à direita na Estrada da Ribeira para, em seguida, realizarem o retorno à esquerda e voltarem para a Linha Verde ou para acessar a Avenida Mascarenhas de Moraes. A previsão da Secretaria Municipal de Obras Públicas (SMOP), que coordena a execução do trabalho na Linha Verde, é de que o desvio permaneça no local durante dez meses. O prazo é o mesmo do desvio implantado em 3 de março, no sentido Pinheirinho-Atuba, logo após o viaduto da Rua Alberico Flores Bueno.

As obras que contemplam o trecho norte são do lote 4.1 da Linha Verde e possui 2,84km de extensão e tiveram reinício no mês de dezembro de 2019. No local onde era o antigo trevo do Atuba, estão sendo instaladas 926 estacas em concreto e ferragem para sustentar um conjunto de trincheira e viadutos que eliminará os semáforos, dando mais fluidez ao trânsito da região.

Além deste ponto, também estão em andamento o aterro nas imediações do Conjunto Solar, onde serão instaladas estações-tubo; a preparação da base para a nova pista da Rua Rua Maria Petroski, marginal da Linha Verde, e a implantação da galeria celular antes da entrada para a Rua Fagundes Varela.

Posts