Governo do Estado alinha ações de combate à pandemia com prefeitos da RMC - Jornal de Colombo

Governo do Estado alinha ações de combate à pandemia com prefeitos da RMC

Governo do Estado alinha ações de combate à pandemia com prefeitos da RMC

Na manhã desta sexta-feira, 22, foi realizada uma nova reunião entre a Associação dos Municípios da Região Metropolitana de Curitiba (Assomec), que convocou o encontro, as prefeituras da RMC, a Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba (Comec) e o Governo do Estado, através de algumas secretarias. O objetivo da reunião, feita através de videoconferência, foi tentar

Na manhã desta sexta-feira, 22, foi realizada uma nova reunião entre a Associação dos Municípios da Região Metropolitana de Curitiba (Assomec), que convocou o encontro, as prefeituras da RMC, a Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba (Comec) e o Governo do Estado, através de algumas secretarias. O objetivo da reunião, feita através de videoconferência, foi tentar encontrar soluções unificadas. “Temos uma grande preocupação com relação as medidas de isolamento e, principalmente, do afrouxamento de tais medidas. Não adianta eu proibir o comércio, academias, entre outras atividades em um município enquanto o vizinho afrouxa. Precisamos tomar ações de nível metropolitano e a orientação e até intervenção do Governo do Estado neste momento é fundamental para isso”, afirmou o presidente da Assomec e prefeito de Fazenda Rio Grande, Márcio Wozniack.

O secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, voltou a alertar pela necessidade de manter as medidas restritivas. “Infelizmente temos observado um aumento no número de casos, claramente resultado de um relaxamento que tivemos há 15 dias quando iniciamos o pagamento do auxílio emergencial e comemoramos o dia das mães. Estamos observando estes números com muita atenção, mas sabemos que o resultado do que estamos fazendo agora só será refletivo daqui 15 dias. Por isso, não descartamos a hipótese de termos que tomar medidas mais restritivas nos próximos dias”.

O presidente da Comec, Gilson Santos, por sua vez, demonstrou preocupação em relação ao transporte coletivo. “Infelizmente o distanciamento social recomendado é impraticável dentro do transporte coletivo. Por isso as pessoas e empresas precisam fazer a sua parte, flexibilizando seus horários de trabalho”, disse, seguido por uma fala de Beto Preto, sugerindo um possível lockdown. “Se as empresas não se conscientizarem neste momento da necessidade desta flexibilização, um lockdown não está fora de cogitação, o que prejudicaria ainda mais as empresas neste momento”, destacou.

Durante o encontro, o secretário de Estado de Planejamento e Projetos Estruturantes, o secretário de Estado de Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas, João Carlos Ortega e o secretário de Agricultura e do Abastecimento, Noberto Ortigara, também tiveram seus momentos de fala. Por fim, o coordenador Estadual da Defesa Civil, Coronel Fernando Raimundo Schünig informou os municípios da RMC que há disponibilidade de materiais para uso no combate à pandemia. ” O órgão possui mantimentos de ajuda humanitária e que estão à disposição dos municípios. Só precisam ser solicitados. E isso inclui álcool, cestas básicas, máscaras e recursos para caminhão pipa ou perfuração de poços, necessários principalmente neste momento de estiagem que nosso Estado enfrenta”, disse.

Posts