Campina Grande do Sul encerra lockdown parcial - Jornal de Colombo

Campina Grande do Sul encerra lockdown parcial

Campina Grande do Sul encerra lockdown parcial

Na última quinta-feira, 28, foi encerrado o lockdown parcial em Campina Grande do Sul, que havia sido estabelecido no dia 13 de maio nos bairros Capivari (Barragem), Ribeirão Grande e Jaguatirica. A medida restritiva teve por objetivo a contenção do avanço descontrolado da pandemia, que havia causado mortes na área rural determinada, onde cerca de

Na última quinta-feira, 28, foi encerrado o lockdown parcial em Campina Grande do Sul, que havia sido estabelecido no dia 13 de maio nos bairros Capivari (Barragem), Ribeirão Grande e Jaguatirica. A medida restritiva teve por objetivo a contenção do avanço descontrolado da pandemia, que havia causado mortes na área rural determinada, onde cerca de 4800 pessoas são residentes, de acordo com dados da Prefeitura de Campina Grande do Sul. 

O decreto foi assinado e publicado pelo prefeito Bihl Zanetti, um dia após mãe e filha, de 84 e 64 anos de idade, respectivamente, morrerem pela infecção da Covid-19.. Elas eram moradoras na localidade da Jaguatirica e permaneceram internadas durante quase duas semanas na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do hospital Nossa Senhora do Rocio, em Campo Largo, também na Região Metropolitana de Curitiba.

No período, não foram registrados novos casos de coronavírus na região. “Entendo que o lockdown deve ser utilizado somente quando observarmos uma ameaça da falta de controle da situação. A medida seguramente surtiu efeito”, afirmou Bihl Zanetti. No entanto, medidas de distanciamento social devem ser mantidas na localidade conforme indicado no decreto municipal 1303/2020. “Por tempo indeterminado, para essas localidades, fica decretado ainda, o distanciamento social ampliado, com a proibição de realização de festas, reuniões e eventos familiares que causem qualquer tipo de aglomeração com pessoas que não pertençam à mesma residência”. De acordo com a Prefeitura local, rondas da Guarda Civil Municipal e Defesa Civil, além do monitoramento de equipes da Saúde e Ação Social permanecerão constantes na região para a fiscalização e orientação à população.

Posts