Delegado que matou esposa e enteada é denunciado por feminicídio - Jornal de Colombo

Delegado que matou esposa e enteada é denunciado por feminicídio

Delegado que matou esposa e enteada é denunciado por feminicídio

O delegado de Polícia Civil, Erik Wermelinger Busetti, foi denunciado por duplo feminicídio pelo Ministério Público do Paraná. A denúncia, que aponta Erik como o responsável pela morte da mulher, de 41 anos e também policial civil, e da enteada, de apenas 16 anos, foi oferecida pelo órgão na última sexta-feira, 20. O crime ocorreu no último

O delegado de Polícia Civil, Erik Wermelinger Busetti, foi denunciado por duplo feminicídio pelo Ministério Público do Paraná. A denúncia, que aponta Erik como o responsável pela morte da mulher, de 41 anos e também policial civil, e da enteada, de apenas 16 anos, foi oferecida pelo órgão na última sexta-feira, 20. O crime ocorreu no último dia 4 de março, na residência em que o casal morava, em um condomínio fechado no bairro Atuba, em Curitiba.  

O acusado foi denunciado por homicídio triplamente qualificado (feminicídio, motivo torpe e uso de recurso que dificultou a defesa da vítima) pela morte da esposa, enquanto pelo crime que vitimou a enteada, a denúncia indica homicídio duplamente qualificado (feminicídio e uso de recurso que dificultou a defesa da vítima). Além disso, o MP indicou a necessidade de aumento da pena, pelo fato de que o crime foi cometido na presença da outra filha do casal, de oito anos de idade. Réu confesso, o delegado foi preso em flagrante e está detido no Complexo Médico-Penal em Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba. O processo tramita sob sigilo. 

Posts