Como será o ano de 2021? – Jornal de Colombo

Como será o ano de 2021?

O período letivo de 2020 está sendo concluído de forma atípica: professores se reinventaram planejando aulas dentro de novos paradigmas; fizeram de suas casas verdadeiros laboratórios de pesquisa e preparação de aula; a sala de estar ou de jantar das residências passou a ser sala de aula; o computador, a televisão e o celular assumiram

O período letivo de 2020 está sendo concluído de forma atípica: professores se reinventaram planejando aulas dentro de novos paradigmas; fizeram de suas casas verdadeiros laboratórios de pesquisa e preparação de aula; a sala de estar ou de jantar das residências passou a ser sala de aula; o computador, a televisão e o celular assumiram novos valores deixando de ser apenas um equipamento de entretenimento; os pais além da educação dos filhos estão auxiliando na formação educacional; os órgãos públicos educacionais organizaram a continuidade do ensino durante todo o período de forma remota sem deixar que nenhum atributo legal fosse garantido aos estudantes; e coube ao município, inclusive, pensar a questão nutricional da criança que estava ausente da escola, mas que teria a garantia dos direitos de proteção da criança como obrigação de todos.

Pois bem, estamos nos aproximando de um novo ano. E pelo andar da carruagem viveremos um novo normal. Tudo o que se tem ainda é previsão: previsão de tempos melhores… De dias melhores…

Aguardamos novos rumos na política, na religião, na economia. Reflexo de um período marcado por luto e tristeza. O velho esquema de sentar-se no final do ano para avaliar o que passou e planejar o próximo que virá também será diante de muitas indagações. Retornarão as escolas às suas atividades normais? Haverá festas? Encontros religiosos? Teremos vacina para todos? As crianças serão prioridade? Elas farão parte do primeiro grupo de imunização?

A tendência que se segue é olhar para o ensino dentro de uma nova modalidade, que é o Ensino Híbrido.  Mas, como será esse novo formato? Como cada município se organizará para atender a demanda educacional que está ansiosa aguardando um novo rumo.

É, há muita indagação, muita novidade, muita mudança, muita reflexão, muito estudo, muita dedicação. É o mundo voltado para uma reorganização da sociedade. E como muitos dizem, se sairmos bem de 2020, sairemos bem também, no ano vindouro. Então, que venha 2021!

Márcia Regina Schena dos Santos é Pedagoga e Professora de Língua Portuguesa, Pós graduada em Psicopedagogia, Metodologia do Ensino de Língua Portuguesa e Docência no Ensino Superior. Atualmente é diretora do CMEI Espaço da Criança.

Posts