O poder da imagem pessoal - Jornal de Colombo

O poder da imagem pessoal

A todo o momento estamos sendo avaliados, passando por crivos diários, muitas vezes despercebidos aos menos atentos. No meio social onde estamos inseridos somos avaliados continuamente, seja em casa, no trabalho, na igreja ou no clube. Estas avaliações irão formatar o nosso capital social, e nortear a forma como as pessoas se relacionam entre si.

Foto: @starnes/ Nappy

A todo o momento estamos sendo avaliados, passando por crivos diários, muitas vezes despercebidos aos menos atentos. No meio social onde estamos inseridos somos avaliados continuamente, seja em casa, no trabalho, na igreja ou no clube. Estas avaliações irão formatar o nosso capital social, e nortear a forma como as pessoas se relacionam entre si. Segue algumas dicas para a construção de uma imagem pessoal positiva:

SEJA PONTUAL: Quando agendar um compromisso seja pontual. A falta de pontualidade destrói a imagem e imprime descrença e enfatiza a falta de credibilidade. O ideal é sempre chegar dez minutos antes. Esta atitude resultará na construção de uma imagem profissional comprometida diante de seus pares, subordinados e possíveis parceiros.

CUIDADO COM A APARÊNCIA: É notório que a construção de uma imagem pessoal positiva passa pelo cuidado com a aparência pessoal (como me trajo?) e anseio do corpo. A minha imagem pessoal deve ser construída com zelo conforme a necessidade funcional. Ao construir um visual deve se indagar a si mesmo. O que quero passar com a minha imagem? Devem-se dispensar exageros, devendo se eliminar tudo o que tire o foco no objetivo, conforme o ambiente e momento em que estamos inseridos. A falta de dedicação na escolha e seleção do visual pode ter por resultante destruição de todas as possibilidades em um primeiro contato positivo.

O CELULAR PODE DESTRUIR A SUA IMAGEM: O aparelho celular, objeto indispensável no dia a dia contemporâneo, pode se tornar de mocinho a vilão da nossa imagem perante as pessoas. A falta de ética pode desconstruir e falir a nossa imagem pessoal ao utilizar o aparelho celular indevidamente, além de acabar com a nossa credibilidade. Em uma reunião se concentre no assunto a ser tratado, desligue o celular ou deixe-o no modo silencioso/vibracall. Após o término da reunião retorne as ligações.

NÃO SE ACOMODE: Não existe nada pior que uma pessoa acomodada sem iniciativa, que não tem ambição. Não podemos nos acostumar a viver sem metas e projeções futuras. O mundo moderno na era do conhecimento exige que todos os integrantes do mercado sejam proativos e estejam continuamente se capacitando, informados e atualizados para manter e reforçar a sua imagem positiva. Não há espaço para pessoas que pararam no tempo.

TENHA UMA PERSONALIDADE AGRADÁVEL: Ter uma personalidade agradável é estar disposto a ouvir opiniões contrárias e no campo das ideias discutidas suas variáveis com o grupo. Nunca fundamente os seus pensamentos em “achismo”, se aprofunde de conhecimento e afirme com fundamento científico e prático. Seja autoconfiante nas discussões.

OLHE NOS OLHOS ENQUANTO FALA: Já dizia alguém que os olhos são a janela da alma. Uma forma de consolidar e reforçar a imagem pessoal, na expressão corporal, passa certamente pela iniciativa e liderança informal ao conversar com as pessoas olhos nos olhos. Isso passa ao ouvinte credibilidade, conhecimento, e alavancará a sua imagem pessoal diante de todos.

AUTOAVALIAÇÃO CONTESTE DA IMAGEM PESSOAL: Não existe uma receita de bolo. O ideal é que cada pessoa faça uma autoanálise e conheça bem a si mesmo, sabendo ouvir a si mesmo e aos outros buscando a excelência na imagem pessoal que auxiliará a conquistar os seus objetivos na vida.

Marcelo Castilhos é especialista em Administração de pessoas (UFPR) e graduado em Tecnologia de Gestão de Recursos Humanos e Pedagogia – com habilitação em Exercício da Docência e Gestão Educacional.

Posts