UPA do Alto Maracanã possui 19 leitos de emergência - Jornal de Colombo

UPA do Alto Maracanã possui 19 leitos de emergência

UPA do Alto Maracanã possui 19 leitos de emergência

Atualmente, o principal ponto de atendimento médico em Colombo é a Unidade de Pronto Atendimento do Alto Maracanã. E neste momento de pandemia, o espaço está apto a receber e diagnosticar potenciais casos de pacientes infectados pelo coronavírus. A unidade conta com 19 leitos de observação para situação de urgência para o atendimento de urgência

Atualmente, o principal ponto de atendimento médico em Colombo é a Unidade de Pronto Atendimento do Alto Maracanã. E neste momento de pandemia, o espaço está apto a receber e diagnosticar potenciais casos de pacientes infectados pelo coronavírus. A unidade conta com 19 leitos de observação para situação de urgência para o atendimento de urgência a pacientes com o novo coronavírus. Destes, sete possuem respiradores. A Prefeitura Municipal ainda afirma seguir empenhada no pedido de uso da Santa Casa de Misericórdia, que está em situação de insolvência, prestes a ser leiloada. “Solicitamos também à justiça a utilização da Santa Casa como unidade de retaguarda para a Covid-19 e leitos sociais para quem precisar ficar em isolamento/quarentena”, disse a prefeita Beti Pavin.

Além disso, o atendimento no local sofreu algumas alterações em razão da situação emergencial, fazendo com que sintomáticos respiratórios sejam recebidos em ambientes separados das demais emergências e enfermidades.  “Mudamos a nossa rotina de observação e criamos uma ala específica para o atendimento de pacientes suspeitos (de terem contraído) a Covid-19 no município, agindo de forma antecipada. Os pacientes com casos respiratórios foram separados dos demais que apresentam outras enfermidades e queixas. A nossa prioridade está no atendimento dos sintomáticos respiratórios”, detalhou o secretário de Saúde, Antoninho Barth. 

A triagem dos pacientes suspeitos é feita de acordo com os protocolos do Ministério da Saúde e o quadro clínico. “Aqueles que apresentam sintomas moderados e graves são direcionados por meio da Central de Regulação de Leitos do Estado do Paraná e encaminhados via SAMU para uma vaga hospitalar”, explica o dirigente.

Também dentro das ações de combate à pandemia, o município promoveu a contratação de mais 54 novos médicos, 11 enfermeiros e 35 técnicos de enfermagem para o atendimento dos pacientes nas Unidades Básicas de Saúde,  para atender os colombenses no dia a dia e os possíveis casos do novo coronavírus. “As 25 unidades estão abertas e preparadas para atender prioritariamente os sintomáticos respiratórios”, completou Antoninho.

Posts