Na Câmara, secretária de Educação explicou ensino à distância da rede municipal - Jornal de Colombo

Na Câmara, secretária de Educação explicou ensino à distância da rede municipal

Na Câmara, secretária de Educação explicou ensino à distância da rede municipal

Na última terça-feira, 12, durante a sessão ordinária da Câmara Municipal de Colombo, a secretária de Educação, Aziolê Maria Cavallari Pavin, foi convidada pelos vereadores para falar na Tribuna Livre sobre as ações da pasta durante a pandemia do novo coronavírus. Nesta semana, teve início a entrega de atividades pedagógicas para serem realizadas em casa

Na última terça-feira, 12, durante a sessão ordinária da Câmara Municipal de Colombo, a secretária de Educação, Aziolê Maria Cavallari Pavin, foi convidada pelos vereadores para falar na Tribuna Livre sobre as ações da pasta durante a pandemia do novo coronavírus. Nesta semana, teve início a entrega de atividades pedagógicas para serem realizadas em casa pelos alunos da rede municipal de ensino, que valem nota e frequência, já que as aulas presenciais permanecem suspensas por tempo indeterminado. 

A suspensão começou no dia 23 de março, e já está próxima de completar 60 dias. “O recesso escolar dos meses de julho e dezembro deste ano foi antecipado, assim como os demais recessos previstos no calendário escolar, ocorrendo tal alteração do recesso para o período de 23 de março de 2020 a 28 de abril de 2020. Nesse período não houveram atividades pedagógicas devido a este recesso. Também  não houve nenhum prejuízo ao desempenho e registro escolar dos estudantes”, disse Aziolê. “Fizemos uma profunda e cuidadosa análise, para que em curto espaço de tempo, todos os estudantes possam retornar às atividades escolares, mesmo que de modo não presencial, pois a situação, indesejada por todos, ainda não permite. Estamos disponibilizando os recursos online e impresso, ambos com o mesmo conteúdo, sendo utilizado aquele que melhor se adequar às necessidades da criança e sua família. Todo o empenho possível está sendo feito para não comprometermos a qualidade do ensino no nosso município”, completou.

Até o momento, foram definidas cinco datas para a retirada e entrega de materiais. Além da data de início, que ocorreu na última segunda-feira, 11, estão reservados os dias 25 de maio, 15 de junho, 6 de julho e 27 de julho. Ao buscar a atividade na escola municipal, apenas um responsável deve se encaminhar à unidade, sem os filhos, para evitar as aglomerações. Para aqueles que preferirem imprimir em casa as atividades, basta acessar o site da Secretaria Municipal de Educação. “Todas as nossas unidades escolares realizaram entregas presencialmente. A assessoria pedagógica acompanhou a ação pontualmente nas unidades de ensino. Em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde, a vigilância sanitária também nos ajudou a fiscalizar o processo nas unidades de ensino e não tivemos nenhum registro de não conformidades nesse processo. Estamos apurando a quantidade de alunos que retiraram as suas atividades via internet e as quantidades presenciais. Se necessário for algumas mudanças serão realizadas. O feedback inicial dos diretores das escolas a respeito do processo foi positivo”, destacou.

Posts