Primeiras doses da CoronaVac chegam em Colombo nesta terça, 19 - Jornal de Colombo

Primeiras doses da CoronaVac chegam em Colombo nesta terça, 19

Primeiras doses da CoronaVac chegam em Colombo nesta terça, 19

A Prefeitura de Colombo anunciou que os insumos provenientes do Governo do Estado e as primeiras vacinas contra a Covid-19 enviadas pelo Ministério da Saúde, devem chegar ao município nesta terça-feira, 19 de janeiro. Os materiais sairão da sede da 2ª Regional de Saúde do Estado, que fica em Piraquara. O prefeito Helder Lazarotto e

A Prefeitura de Colombo anunciou que os insumos provenientes do Governo do Estado e as primeiras vacinas contra a Covid-19 enviadas pelo Ministério da Saúde, devem chegar ao município nesta terça-feira, 19 de janeiro.

Os materiais sairão da sede da 2ª Regional de Saúde do Estado, que fica em Piraquara. O prefeito Helder Lazarotto e a secretária Municipal de Saúde, Dra. Rosalba Shülli dos Anjos, acompanharão o carregamento destes itens para Colombo.

O prefeito Helder Lazarotto definiu em conjunto com o secretariado municipal, que a primeira vacina será aplicada na servidora mais idosa da linha de frente no combate à pandemia. “Faremos uma transmissão ao vivo sorteando o nome do servidor que terá a honra de aplicar a primeira dose em um dos nossos servidores mais experientes que atuam na Saúde em Colombo”, disse o prefeito.

De acordo com a secretária Rosalba, nesta terça também será divulgado o Plano Municipal de Imunização contra a Covid-19 para Colombo. “Após a divulgação do Plano, a população conhecerá mais detalhes de como funcionará toda a operacionalização. Neste primeiro momento, serão três fases de vacinação, com a estratégia de ação baseada nos grupos prioritários já pré-determinados pelo plano nacional de imunização. Os pontos de vacinação já foram definidos e registrados para atender o público-alvo na primeira fase”, detalhou.

A Prefeitura já adiantou informações das três fases. Na primeira, serão vacinados os trabalhadores da linha de frente da Saúde no município, juntamente com idosos institucionalizados com 60 anos ou mais e jovens também institucionalizados acima de 18 anos com deficiência ou morbidades com documentação comprobatória que estejam em entidades inclusivas.

Na segunda fase serão imunizados os idosos acima de 60 anos e na terceira etapa, pessoas portadoras de alguma morbidade, como: Diabetes Mellitus, hipertensão arterial grave, doença pulmonar obstrutiva crônica, doença renal, doenças cardiovasculares e cerebrovasculares, indivíduos transplantados de órgão sólido, anemia falciforme, câncer, obesidade grave.

Não foi informada a quantidade de doses da CoronaVac que serão enviadas a Colombo neste primeiro momento, mas o Paraná recebeu inicialmente um total de 250 mil doses.

4 comments

Posts