Prefeitura divulga entidades habilitadas ao Conselho Municipal de Direitos da Mulher – Jornal de Colombo

Prefeitura divulga entidades habilitadas ao Conselho Municipal de Direitos da Mulher

Prefeitura divulga entidades habilitadas ao Conselho Municipal de Direitos da Mulher

A Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Ação Social e Trabalho e da Secretaria de Assistência Social, divulgou no Diário Oficial do dia 13 de maio, a relação das Entidades Habilitadas para concorrer às cinco vagas disponibilizadas para a sociedade civil compor o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher do Município de Colombo, durante a

A Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Ação Social e Trabalho e da Secretaria de Assistência Social, divulgou no Diário Oficial do dia 13 de maio, a relação das Entidades Habilitadas para concorrer às cinco vagas disponibilizadas para a sociedade civil compor o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher do Município de Colombo, durante a gestão 2020–2024. São elas: Marcha Mundial das Mulheres; Ordem dos Advogados do Brasil – Seção Paraná – Subseção/Colombo; Associação de Moradores Comunitária dos Moradores Jardim Georgina e Ana Rosa I e II; Associação Comercial e Industrial de Colombo (ACIC); Associação dos Catadores e Classificadores de Resíduos Recicláveis de Colombo (ACRS – Três); Associação dos Recicladores Emanuel; Sindicatos – Núcleo Sindical Metropolitana Norte de Curitiba; Instituição Liga Brasileira das Lésbicas; CRESS – PR 11ª Região; SISMUCOL – Sindicato dos Servidores e Empregados Públicos do Município de Colombo e PROVOPAR/Colombo.

A Comissão Eleitoral do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher é formado por Maria Luíza Crippa, Lis Gracieli Alberti, Márcia Cristina Oliveira Rodrigues, Rosi Aparecida Ferrarini, Neosete de Fátima Faria e Suzana de Souza Santos. A data para o Fórum Eletivo ainda não foi divulgado, pois o mesmo foi suspenso por tempo indeterminado, por conta da pandemia do coronavírus. O Conselho, criado em 2008, foi reestruturado no ano passado e tem por lei, a finalidade de propor, acompanhar e monitorar políticas públicas destinadas a garantir a liberdade e igualdade de oportunidades e direitos entre os homens e as mulheres, assegurando à população feminina o pleno exercício de sua cidadania.

Posts