Mutirão “Colombo Sem Mosquito” acontece em fevereiro nos bairros Atuba e Rio Verde - Jornal de Colombo

Mutirão “Colombo Sem Mosquito” acontece em fevereiro nos bairros Atuba e Rio Verde

Mutirão “Colombo Sem Mosquito” acontece em fevereiro nos bairros Atuba e Rio Verde

No mês de fevereiro, a Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Saúde promove os mutirões “Colombo Sem Mosquito”. As ações acontecem nos bairros Atuba e Rio Verde e fazem parte do recém-lançado mutirão metropolitano de prevenção a focos do Aedes aegypti, transmissor da dengue, zika e chikungunya.“O Paraná já tem perto de 10 mil

No mês de fevereiro, a Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Saúde promove os mutirões “Colombo Sem Mosquito”. As ações acontecem nos bairros Atuba e Rio Verde e fazem parte do recém-lançado mutirão metropolitano de prevenção a focos do Aedes aegypti, transmissor da dengue, zika e chikungunya.“O Paraná já tem perto de 10 mil casos e precisamos da ajuda das pessoas para manter as nossas cidades do entorno sem focos do mosquito”, disse o secretário de Saúde, Antoninho Barth..

No bairro Atuba, o mutirão entra em ação no dia 13 de fevereiro da Rua Huxley até Rua Luiz Alberto Ferreira e no dia 14 da Rua Luiz Alberto Ferreira até Rua Abel Scuissiato. Já no bairro Rio Verde, o mutirão passará no dia 17 de fevereiro da Rua da Pedreira até Av. Londres e dia 18 da Av. Londres até Rua Princesa Izabel. A ação é liderada pelo Consórcio Intermunicipal para Gestão dos Resíduos Sólidos Urbanos (Conresol), e a ideia é que seja realizada ações conjuntas das secretarias municipais de Saúde e do Meio Ambiente visando prevenir a infestação na Região Metropolitana de Curitiba.

A iniciativa do projeto Colombo sem Mosquito é realizada desde 2016, fazendo a coleta de entulhos em regiões vulneráveis nos bairros da cidade. Em três anos, o mutirão recolheu mais de 3 mil toneladas de lixo e entulhos pela cidade. “Nosso objetivo é conscientizar a população sobre a importância da separação dos resíduos, além de realizar o descarte corretamente, contribuindo com o meio ambiente e prezando pela saúde de todos”, destacou o secretário de Meio Ambiente, Evandro Busato.

Posts