Indústria calcária de Colombo faz doação de máscaras – Jornal de Colombo

Indústria calcária de Colombo faz doação de máscaras

Indústria calcária de Colombo faz doação de máscaras

No início da tarde desta quinta-feira, 21, o Sindicato das Indústrias de Cal no Paraná (Sindical) e a Associação dos Produtores de Derivados de Calcário (APDC) realizou a entrega de uma doação de mil máscaras para a Prefeitura Municipal, que foi representada pelo secretário de Indústria, Comércio, Trabalho e Turismo, Antonio Ricardo Milgioransa; pelo secretário

No início da tarde desta quinta-feira, 21, o Sindicato das Indústrias de Cal no Paraná (Sindical) e a Associação dos Produtores de Derivados de Calcário (APDC) realizou a entrega de uma doação de mil máscaras para a Prefeitura Municipal, que foi representada pelo secretário de Indústria, Comércio, Trabalho e Turismo, Antonio Ricardo Milgioransa; pelo secretário de Saúde, Antoninho Barth e pela secretária de Assistência Social, Maria da Silva Souza. Os itens foram adquiridos pelas duas entidades através de uma parceria com o Sindicato das Indústrias do Vestuário de Apucarana e Vale do Ivaí (Sivale).

“Agradecemos em nome da prefeita Beti Pavin e do vice-prefeito Sergio Pinheiro. Estamos vivendo um momento delicado no país, mas vamos sair dessa mostrando esse lado solidário”, disse o secretário Antonio Ricardo, que explicou a união do poder público com a iniciativa privada, que tem contribuído com a Prefeitura na atual situação de pandemia.  “Nós fizemos várias parcerias. Nós, da Secretaria de Indústria, Comércio, Turismo e Trabalho, fizemos um ofício em parceria com a Secretaria de Saúde, mostrando todo o problema de Colombo nesta questão do coronavírus, de que forma nós estamos trabalhando e as empresas locais estão se solidarizando. Nesta parceria com a Sindical e com a APDC, estas máscaras serão destinadas para o atendimento da Assistência Social”, detalhou.

Já o secretário de Saúde, Antoninho Barth, destacou a importancia dos itens. “São ações que estão salvando vidas. Agradeço de coração por essa colaboração em nome da Saúde e da população. Sabemos que temos uma parte da população bastante carente nessas questões socioeconômicas e essa ajuda vem bem em conta”, disse. 

Por fim, a secretária Maria da Silva Souza, detalhou a destinação do material doado. “Essas máscaras serão destinadas para o departamento de Proteção Social, que é o órgão que faz os acolhimentos, de crianças, adolescentes, de pessoas em situação de rua”. Durante a fala, a dirigente revelou também uma outra iniciativa da pasta. “Estamos fazendo três casas para positivados. Já temos uma pronta e estamos buscando mais dois espaços. O positivado é aquela pessoa que testou positivo para o coronavírus e reside com outras seis, sete pessoas em uma casa. Então, aquela pessoa será encaminhada para o isolamento em uma dessas casas. Algumas arestas com a Saúde ainda têm que ser definidas, se é o positivado que deixará a casa ou os negativos. De momento teremos quarenta vagas”, afirmou. A secretária também ressaltou o trabalho dos assistentes sociais durante a pandemia. “Estamos com 200 servidores trabalhando diretamente nas áreas de risco, na rua. E também destinaremos vagas para o acolhimento dos assistentes sociais, caso necessário”. A secretária esteve acompanhada do diretor da Proteção Social Especial, Raul César Moraes.

As entidades que realizaram a doação foram representadas por seus respectivos presidentes, Gilmar Cavali (APDC) e Marcelo Poli (Sindical). “É importante tomarmos ações como essa, afinal, envolve toda a população, toda a nossa mão de obra. Se não tivermos esses cuidados, pessoas que trabalham conosco poderão ser afetadas. É um conjunto, uma engrenagem que depende dos funcionários, das empresas, do poder público, de todo o entorno”, ressaltou Poli. 

 

Posts