Colombo amplia atendimento de telemedicina - Jornal de Colombo

Colombo amplia atendimento de telemedicina

Colombo amplia atendimento de telemedicina

Na tarde desta quarta-feira, 20, o perfil no Facebook da Prefeitura Municipal apresentou uma live (transmissão ao-vivo) com a prefeita Beti Pavin, acompanhada do médico da rede pública municipal, Luzo Dantas. No vídeo, a chefe do executivo municipal divulgou a expansão do serviço de saúde de telemedicina em Colombo, com o objetivo de otimizar o atendimento

Na tarde desta quarta-feira, 20, o perfil no Facebook da Prefeitura Municipal apresentou uma live (transmissão ao-vivo) com a prefeita Beti Pavin, acompanhada do médico da rede pública municipal, Luzo Dantas. No vídeo, a chefe do executivo municipal divulgou a expansão do serviço de saúde de telemedicina em Colombo, com o objetivo de otimizar o atendimento de sintomáticos respiratórios. A consulta médica à distância vai acontecer por meio de conversa por mensagem de texto ou vídeo chamada, ambas pelo WhatsApp, sendo permitida a prescrição de medicamentos. “O WhatsApp foi a forma mais prática que encontramos no momento para disponibilizar mais este serviço de saúde tão necessário e importante para todos, e nestes tempos mais modernos grande parte da população possui ou conhece alguém que tem um smartphone”, declarou Beti.

O atendimento terá inicialmente a disponibilidade de duas médicas, uma em cada período do dia, de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas. “Vamos contar com os serviços das médicas Amanda Cardoso Silva pela manhã e Caroline Brustolin Ribeiro à tarde”, detalhou o médico Luzo Dantas, coordenador da iniciativa. “Nosso propósito é para sempre oferecermos um melhor atendimento, qualidade e saúde para todos”, destacou o secretário de Saúde, Antoninho Barth.

O serviço de teleatendimento por telefone já vinha acontecendo desde o início da pandemia através de um 0800. Agora, com a possibilidade de vídeochamada, as consultas pretendem se tornar mais eficazes e diretas. Para ter acesso ao novo serviço, basta o paciente que estiver com sintomas da Covid-19 (febre alta, tosse e falta de ar) mandar mensagem de texto ou realizar uma vídeo chamada no WhatsApp. Neste primeiro momento de implementação do serviço, não será necessário agendar a consulta. “Caso esteja ocupado o telefone, é importante ter um pouco de paciência que a equipe vai retornar a ligação registrada no whats assim que possível. Todos serão atendidos”, afirma o diretor de Atenção Básica, Wellington Moretti. O número disponibilizado é o (41) 99827-5894.

Durante a consultao, caso as médicas entendam que é necessário outros desdobramentos em função dos relatos, o paciente será encaminhado para a unidade mais próxima da sua casa (unidade de referência) ou para o Pronto Atendimento do Alto Maracanã.

Posts