Governadores do Sul alinham estratégias de enfrentamento da pandemia - Jornal de Colombo

Governadores do Sul alinham estratégias de enfrentamento da pandemia

Governadores do Sul alinham estratégias de enfrentamento da pandemia

O governador Ratinho Junior se reuniu nesta terça-feira, 23, com os governadores Eduardo Leite, do Rio Grande do Sul, e Carlos Moisés, de Santa Catarina. A reunião virtual serviu para alinhar estratégias comuns de enfrentamento do novo coronavírus e discutir cenários da pandemia diante dos aumentos de casos e de hospitalizações, comuns aos três estados.

O governador Ratinho Junior se reuniu nesta terça-feira, 23, com os governadores Eduardo Leite, do Rio Grande do Sul, e Carlos Moisés, de Santa Catarina. A reunião virtual serviu para alinhar estratégias comuns de enfrentamento do novo coronavírus e discutir cenários da pandemia diante dos aumentos de casos e de hospitalizações, comuns aos três estados. O encontro também contou com as participações dos secretários de Saúde.

Segundo o Governo do Estado, a principal estratégia adotada para os próximos dias é a confecção de um ofício assinado pelos governadores do Sul para o Ministério da Saúde com algumas pautas que demandam grande esforço financeiro das três unidades federativas, como a continuidade do financiamento de leitos hospitalares de UTI, a oferta contínua de medicamentos para intubação dos pacientes em estado grave e a necessidade de aumentar a velocidade do programa de imunização, para proteger as pessoas das formas graves da Covid-19. Esse posicionamento será reforçado pelos secretários do Sul na reunião do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) desta quarta-feira, 24.

Os governadores também discutiram formas de aumentar a troca de informações gerais sobre hospitalizações, incidência de casos, mortes e a circulação do vírus, a partir de experiências próprias no monitoramento primário e hospitalar, além da possibilidade de tomada de decisões comuns aos três estados, como regras para o transporte interestadual. “Foi uma reunião de trabalho no sentido de buscar soluções em conjunto no relacionamento com o Ministério da Saúde. Os três estados precisam fazer essa defesa sobre insumos, vacinas e ter esse alinhamento estratégico. A troca de experiências é muito importante porque as atitudes positivas de um estado geram impactos em todos”, disse Ratinho Junior.

O governador lembrou o aumento de casos graves em pacientes mais jovens. “Temos realidades muito parecidas, principalmente nos últimos dez dias. Houve uma aceleração de casos e internações e o aumento do volume de jovens internados, ficando em média 11% a mais hospitalizados em relação aos idosos. Antes eles eram assintomáticos ou casos leves. E agora há muitos registros de casos graves em outras faixas populacionais”, afirmou Ratinho Junior. “Com a chegada da vacina também houve um relaxamento das pessoas, o que também é comum aos estados, mas a imunização requer tempo e não pode haver descuido nesse caminho”, completou.

Na ocasião, o governador também destacou que o Governo não descarta novas medidas para conter o avanço do novo coronavírus. “Estamos estudando todas as medidas necessárias e a ideia é evitar qualquer tipo de prejuízo econômico para a população. Trabalhamos com esse equilíbrio desde o começo da pandemia e vamos manter isso. Mas temos que ter o cuidado para não deixar o sistema colapsar. Estamos abrindo novos leitos de UTI nesta semana e estudando o que fazer para reequilibrar a situação”, destacou.

Posts